VW White up x VW Black up I-Motion

Home » Automoveis » VW White up x VW Black up I-Motion

upb

Durante uma semana pudemos comparar a fundo o nosso White up! 2015 com câmbio manual com um Black up! equipado com câmbio I-Motion, opcional que foi disponibilizado algum tempo depois do modelo ser lançado no Brasil. O up! chegou em fevereiro e a opção de câmbio automatizado chegou em abril, dois meses depois.

O modelo tem a possibilidade de receber o câmbio I-Motion a partir da versão Move, uma acima da de entrada Take. Na versão Move, o equipamento custa R$ 2.150 e nas versões High, Black, White e Red custa R$ 2.860. Tinhamos curiosidade de saber como ficou a calibragem do câmbio no up!, apesar de já termos dado umas voltas rápidas nesta versão na ocasião de seu lançamento.

upw

Conforto a mais na suspensão?

O Black up! I-Motion era bem mais confortável que nosso White up!. Por que será? Analisamos a calibragem dos pneus de nosso carro e descobrimos que quando fomos em uma concessionária VW pela última vez que os pneus foram enchidos um pouco mais do que o correto. A calibragem correta é de 29 libras na frente e 26 libras atrás para carros que são ocupados por no máximo duas pessoas sem muitas bagagens no porta-malas. Mudando isso o carro já ficou um pouco mais macio.

Mas ainda parecia que o Black up! cedido pela Volkswagen era mais macio. Fomos ver a pressão dos pneus dele e surpreendentemente o modelo também estava com pressão um pouco acima do normal, ou seja, não era culpa dos pneus duros demais, pois os dois carros estavam equipados com pneus Bridgestone B250 feitos na Espanha. O que nos restou acreditar é que os bancos revestidos em couro ficam um pouco mais macios do que os de tecido de nosso carro, não pelo revestimento, mas possivelmente pelo recheio de espuma mais macia.

Outra possibilidade é de que foi mudada a espuma de todos os bancos, quer de tecido quer de couro, algum tempo depois do lançamento do up!, já que a Volkswagen não informa quaisquer mudanças na suspensão do modelo na versão iMotion em comparação com a versão manual. Nosso White up! é um dos primeiros que foram vendidos no Brasil, e a espuma dos bancos dele são um tanto duras, então densidade diferente é uma possível resposta.

Conforto a menos no câmbio…

Já tinhamos tido contato prolongado com um carro equipado com câmbio automatizado, um Fiat 500 Cult Dualogic que foi comprado para uso pessoal e que já foi vendido. Portanto sabemos muito bem dos problemas que esse tipo de câmbio apresenta. Tendo isso em mente, andamos no Black up! I-Motion, mas ainda assim ele se apresentou bem ruim.

Ele tem problemas que não são vistos no modelo da Fiat (imagine então a diferença para o câmbio Dualogic Plus, que é aperfeiçoado e mais moderno). Em terreno plano vai que é uma beleza, mas basta andar em subidas e descidas que os problemas aparecem sem parar:

1) Ás vezes ele engasga em uma subida mais forte, não sabendo que marcha colocar, com isso o carro para completamente, e então dá para imaginar a reação do motorista que vem atrás;

2) Ainda em subidas, tem ocasiões em que ele passa de segunda para terceira marcha em momentos totalmente errados, fazendo o carro perder completamente a velocidade e a potência;

3) Em descidas, ou fica segurando exageradamente a marcha fazendo com que as rotações subam demais ou vai subindo de marcha sem parar até a quinta.

4) As trocas de marcha muitas vezes são demoradas, fazendo o carro perder o ritmo que vinha impondo.

E o modo manual?

Começamos a usar o up! no modo manual do câmbio automatizado e foi tudo bem… até querermos subir uma marcha no final de uma subida. O local já permitia a entrada da marcha superior sem perda de velocidade, mas o câmbio insistiu em não permitir a operação. Ou seja, o modo manual também é ruim.

Facho dos faróis…

Notamos que no up! cedido pela Volkswagen, os faróis estavam bem mais baixos que o correto, diferente do nosso carro. Talvez o departamento de imprensa da marca tenha o baixado para evitar o problema de ofuscamento nas estradas, ou algum jornalista mais intrometido que avaliou o carro fez essa modificação. O ponto ideal não é a regulagem original de fábrica, alta demais, nem a desse Black up!, baixa demais, e sim algo entre as duas.

Veredicto…

Ou seja, em nosso curto período de convivência com o up! equipado com câmbio I-Motion concluímos que ele não é uma boa compra. Se você quer um carro barato com câmbio automatizado tem em outras marcas opções melhores. Este do up! ainda precisa de muito trabalho para ficar menos irritante, lembrando que qualquer câmbio automatizado tem pontos irritantes, se comparado com câmbios automáticos.

Sabemos que nos comentários alguns proprietários de modelos com câmbio automatizado dirão que seus câmbios são ótimos, que nunca deram problemas, mas deixando de lado opiniões emotivas a respeito de carros particulares, nossa opinião é de que os sistemas automatizados tem o que melhorar, seja de qualquer marca.

Consumo do up! iMotion

O consumo dele ficou em torno de 5% pior que do up! manual na cidade, com certeza por causa das incertezas dele e também por ficar segurando marcha delongadamente. Na estrada o consumo também ficou um pouco pior.

Black up! vs White up!

Apesar de carro preto ser uma dor de cabeça sem fim em cidades do interior, por acabar ficando marrom graças à poeira, gostamos do visual deste Black up! cedido pela montadora. Seus detalhes prateados ao redor dos faróis de neblina e também nos espelhos laterais se destacam mais. E as rodas não são pintadas na cor do veículo, como no White up!. As bordas diamantadas das rodas de 15 polegadas também se destacam.

O problema é que para comprar um igual o valor gasto é alto demais. No lançamento as versões Black, White e Red tinham preço de tabela de R$ 39.390 (compramos o nosso por R$ 38.749). Hoje essa tabela já subiu de R$ 39.390 para R$ 40.630 e depois para R$ 41.120, e os equipamentos que o Black up! das fotos tem que nosso White up! não tem fazem com que ele pule para salgadíssimos R$ 45.979. O revestimento em couro dos bancos custa R$ 687 e o sistema de navegação Maps & More custa R$ 1.200, mais R$ 103 da preparação de instalação, fazendo um total de quase R$ 46.000.

Resumindo, se você quer um up! das versões topo de linha Black, White ou Red, deixe de lado o câmbio I-Motion e também deixe de lado os bancos em couro e navegação, ou escolha versões mais baratas e adicione os opcionais.

Lançamentos de carros nacionais e importados, seguros, preços, avaliação, cores, teste e informações técnicas, qual o consumo do veículo, como fazer o financiamento, o que muda em 2017 e qual automóvel vai sair de linha.

    VOLKSWAGEN UP! (WHITE UP!) - TEST - MATíAS ANTICO

    Es el producto más nuevo del mercosur y ya lo probamos en toptest en su versión full de cinco puertas. motor 1.0 de tres cilindros y 75 cv, cinco estrellas en ... VOLKSWAGEN UP! (WHITE UP!) - TEST - MATíAS ANTICO VW White up x VW Black up I Motion

    LIPE PAíGA - VOLKSWAGEN WHITE UP! TSI

    Impressões ao volante do novo volkswagen white up! tsi. LIPE PAíGA - VOLKSWAGEN WHITE UP! TSI VW White up x VW Black up I Motion

    APRESENTAçãO NOVO VW WHITE UP!

    Apresentação novo vw white up! (17/02/2014) abaixo, todos os preços das versões e opcionais do volkswagen up!: take up! 2p -- r$ 26.900 take up! 4p -- r$ ... APRESENTAçãO NOVO VW WHITE UP! VW White up x VW Black up I Motion

    TEST DRIVE VW UP TSI - TURBO

    Teste: andamos na versão white do novo volkswagen up tsi com motor 1.0 turbo de 3 cilindros flex e 105 cv de potência ✓ curta ✓ comente ✓ compartilhe ... TEST DRIVE VW UP TSI - TURBO VW White up x VW Black up I Motion

    OPINIãO DO DONO 2.500KM- VW UP! TSI 2017

    Versão(white up!) OPINIãO DO DONO 2.500KM- VW UP! TSI 2017 VW White up x VW Black up I Motion

    Tudo sobre VW White up x VW Black up I Motion, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Não deixe de ver isso

ahd

Comparativo: Honda Civic x Audi A3 Sedan 2017

Os poucos carros alemães estãu deixando de ser unanimidade, entenda. Não faz muito tempo, dono de carro de marca japonesa.