SPC Serasa: 54 milhões de brasileiros com nome sujo

Home » Atualidades » SPC Serasa: 54 milhões de brasileiros com nome sujo

lista-negra

Que o Brasil vive uma enorme crise todos já sabem, que vai piorar, poucos acreditam, mas vai, isso é apenas o começo, incompetência do Governo do PT quebrou o Brasil, veja reportagem do SBT sobre o drama das famílias brasileiras como nome sujo na praça.

 

COMO LIMPAR O NOME SUJO

Não existem “fórmulas mágicas” para tirar o nome de cadastros de restrição ao crédito como SPC ou SERASA.

Portanto, se você viu algum anúncio na internet ou jornal informando que faz esta exclusão “em alguns dias e sem pagar as dívidas” cobrando de você um determinado valor, é golpe e você vai perder o seu dinheiro!

Basicamente, há 3 formas de se retirar o nome do SPC / SERASA / SCPC e outros tipos de cadastros de restrição ao crédito:

1. PELO PAGAMENTO DA DÍVIDA:

A pessoa que pagar a dívida deve ter seu nome excluído de forma imediata destes cadastros (prazo máximo de 5 dias. Se o prazo passar de 5 dias, conforme decisões do STJ, a pessoa tem direito de entrar na justiça pedindo danos morais – contanto que não tenha outros cadastros negativos – Súmula 385 STJ).

O acordo parcelado também é uma forma de se extinguir uma dívida, normalmente já em atraso, e se criar uma nova dívida para pagamento em novas parcelas com novas datas de vencimento, a contar da assinatura do acordo.

Portanto, com o acordo e o pagamento da primeira parcela, a dívida antiga está extinta, ou seja, não existe mais e também não podem existir mais cadastros negativos de SPC, SERASA, SCPC etc em relação a mesma, sendo que o credor tem o prazo legal de 5 dias para retirada do nome do devedor dos cadastros.

O que existe agora é uma nova dívida, com novas datas para pagamento e que não poderá gerar qualquer restrição em SPC ou SERASA enquanto estiver sendo paga corretamente.

* O credor não pode obrigar o devedor a pagar todas as parcelas para ter seu nome retirado dos cadastros do SPC e SERASA.

Se o credor não retirar o nome do consumidor dos cadastros restritivos, mesmo após o pagamento da dívida ou da assinatura do acordo e pagamento da primeira parcela, então é caso de ação judicial exigindo a imediata retirada via antecipação de tutela, bem como pedindo danos morais pela manutenção indevida do registro negativo. (contanto que ele não tenha outros cadastros negativos – Súmula 385 STJ)

2. PELO DECURSO DO PRAZO DE 5 ANOS:

A lei estabelece, no artigo 206, § 5º do Novo Código Civil o prazo de 5 anos para que o credor possa cobrar a dívida. Após este prazo a dívida estará prescrita (não poderá mais ser cobrada na justiça ou constar de cadastros restritivos, como SPC e SERASA).

O artigo 43, § 1º do Código de Defesa do Consumidor, também prevê o prazo máximo de 5 anos para que o nome de alguém possa ficar cadastrado nestes órgãos (este prazo conta da data em que a dívida deveria ter sido paga mas não foi e não da data do cadastro).

3. PELA DISCUSSÃO JUDICIAL

Desta forma, a pessoa discutirá a existência ou o valor da dívida e seus encargos.

Infelizmente, é comum a manutenção ou inclusão do nome do consumidor em cadastros restritivos de crédito por dívidas já quitadas, assim como a inclusão por dívidas que jamais foram feitas pelo consumidor (caso de fraudes).

Neste caso o consumidor deve recorrer à Justiça com os comprovantes de pagamento em mão, ou com boletim de ocorrência policial informando a fraude, com base no fato de que jamais teve qualquer contrato com a empresa que lhe cadastrou e deve pedir uma ordem judicial, via antecipação de tutela, para que o seu nome seja excluído com o máximo de urgência, também deve pedir danos morais pela manutenção ou cadastro indevido de seu nome nos órgãos de restrição ao crédito.

Aqui você fica por dentro o que acontece no Brasil e no mundo, celebridades, famoso que morreu ou faleceu na data de hoje, política, quem é o corrupto e ladrão do momento, crise econômica, qual partido que mais rouba, o próximo a ir pra cadeia, dinheiro sujo, charges e curiosidades.

    COMO FAZER CONSULTA SPC E SERASA GRATIS SEM ENROLAÇÃO!

    Sempre um tabu para consultar de maneira gratuita o cpf de alguém nesse vídeo de maneira gratuita você aprende consultar seu cpf. acompanhe-nos ... COMO FAZER CONSULTA SPC E SERASA GRATIS SEM ENROLAÇÃO! SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo

    "SPC - SERASA" LIBERA CONSULTA "GRATUITA" SOBRE PENDêNCIAS NO CPF VIA SITE E AP ..

    Desde sexta-feira, o novo serviço permite consulta no site www.serasaconsumidor.com.br ou, para usuários de smartphones android, pelo app ... "SPC - SERASA" LIBERA CONSULTA "GRATUITA" SOBRE PENDêNCIAS NO CPF VIA SITE E AP .. SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo

    COMO CONSEGUIR MAQUINA CARTÃO CRÉDITO SEM BUROCRACIA SPC E SERASA

    Www.cartaocred.no.comunidades.net consultor em maquina de cartÃo pessoa fisica peÇa sua maquina cartÃo de credito pessoa ... COMO CONSEGUIR MAQUINA CARTÃO CRÉDITO SEM BUROCRACIA SPC E SERASA SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo

    CONSULTA NME NO SPC OU SERASA GRATIS PELO SAMRTPHONE

    CONSULTA NME NO SPC OU SERASA GRATIS PELO SAMRTPHONE SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo

    ARTIGO 5º - COBRANçA ABUSIVA OU INDEVIDA (17/06/15)

    Pesquisa realizada pela serasa mostra que 54 milhões de brasileiros começaram 2015 endividados. este número equivale a 40% dos adultos com mais de ... ARTIGO 5º - COBRANçA ABUSIVA OU INDEVIDA (17/06/15) SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo

    Tudo sobre SPC Serasa 54 milhões de brasileiros com nome sujo, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

2 Comentários

  1. Olá, Limpe Seu Nome, Empréstimo Para Negativados, Sem Burocracia, Aumente Seu Escore de Crédito.
    (11) 4172-0205

  2. Olá, Empréstimos Pessoal Para Negativados, Créditos Sem Burocracia, Limpe Seu Nome, Aumente seu Score.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Não deixe de ver isso

renan-chutado

Renan Calheiros é chutado da Presidência do Senado

É para glorificar de pé! O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), atendeu nesta segunda-feira, 5, ao pedido da.