Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

Home » Notícias » Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

Candidatos

Hoje uma quarta-feira, 30 de julho 2014é aniversário da fotografia colorida, a insulina foi descoberta (1921), nascem: Henry Ford, em Michigan-USA (1863), o ator Arnold Schwarzenegger, a atriz Hilary Swank. Dia de São Pedro Crisólogo.

O Globo

Manchete : Bancos farão análises mais conservadoras

Instituições financeiras já temem sofrer represálias do Planalto

Funcionária foi demitida após ser responsabilizada pelo envio, a 40 mil correntistas, de documento que associava a subida de Dilma nas pesquisas eleitorais à queda da Bolsa

Após a forte reação do governo à análise que o Santander distribuiu para clientes de que as bolsas poderão cair e o dólar subir se a presidente Dilma melhorar nas pesquisas eleitorais, bancos e corretoras decidiram ser mais cautelosos na elaboração desses relatórios. As instituições temem sofrer retaliações do governo, segundo analistas. A avaliação do mercado foi que o banco espanhol errou no tom ao dar a impressão de que era uma opinião política e não uma análise técnica de conjuntura, mas o Planalto, afirmam analistas, teve reação exagerada e tentou tirar proveito político do caso. O Santander demitiu uma funcionária por causa do episódio.

Enquanto isso…

FMI diz que economia é vulnerável

Inflação muda hábitos de consumidores

Confiança da indústria cai pela 7a. vez

Juro para pessoa física sobe de novo

Falha do TCU livrou Graça de punição

Escândalo de Pasadena

Um erro do TCU excluiu a presidente da Petrobras, Graça Foster, da relação de diretores responsáveis pelo prejuízo com a compra de Pasadena, relata Eduardo Bresciani. Alertado, o TCU diz que poderá incluí-la. (Pág. 8)

Prefeitura só agora veta ONG

Suspeita de corrupção

Quatro dias após a denúncia de que a Tesloo teria pagado propina ao então secretário Rodrigo Bethlem, a prefeitura decidiu rejeitar as contas da ONG, que haviam sido aprovadas semana passada.

Pezão: Bethlem sairá se quiser

O governador Pezão disse que cabe a Bethlem (PMDB) decidir se mantém ou não candidatura a deputado federal.

Argentina pede trégua de 90 dias

Sob ameaça de calote

Na véspera de possível calote, o ministro da Economia da Argentina, Axel Klcillof, voou às pressas a Nova York para pedir aos “fundos abutres” 90 dias de trégua.

Cai em 31% total de eleitores jovens

De 2010 a 2014, o número de eleitores de 16 e 17 anos caiu 27% no Rio e 31% no país. Com isso, o perfil do eleitorado ficou ainda mais envelhecido.

 

Foto-legenda : Sem esperança de trégua

Fumaça e chamas tomam a única usina elétrica de Gaza, após ataque que deixou a maioria do território sem luz. O Hamas voltou a rejeitar uma trégua sem o fim do bloqueio israelense.

 

Panorama Político

Ilimar Franco

Bola de cristal

Os chefes de torcida da presidente Dilma, de Aécio Neves e de Eduardo Campos repetem que ganharam a eleição. Mas quem não integra a divisão de propaganda é cauteloso. Especialistas em pesquisa lembram que a campanha não começou de fato e que os eleitores só vão se ligar com os candidatos na TV. Para eles, um quadro real do embate será delineado depois de uma semana de TV no ar.

Merval Pereira

Nacionalismo canhestro

De duas, uma: ou há uma conspiração internacional contra o Brasil, ou o governo brasileiro está flertando perigosamente com o perigo, alheio às advertências que partem de todos os lados sobre as fragilidades de nossa economia.

Ancelmo Gois

É grave a crise

Acredite. Tá faltando dinheiro no comitê de reeleição da Dilma.

Já há queixa de atraso de salário.

Zuenir Ventura

O estrago que uma ex-mulher pode fazer.

Míriam Leitão

Os fatos da crise

A presidente Dilma disse à “Folha de S. Paulo” que “todos nós erramos” e “o mundo errou” ao minimizar a crise de 2008. Ela socializou um equívoco que a maioria não cometeu.

Correio Braziliense

Manchete : Brasileira é quem mais faz plástica no mundo

Pela primeira vez, o país supera os EUA em número de cirurgias estéticas. Especialistas atribuem resultado à queda no preço e a tecnologias menos invasivas. Procedimentos como lipoaspiração, prótese de silicone na mama e redução de seio lideram a preferência nacional.

FMI põe o Brasil entre os cinco emergentes mais vulneráveis

Foto-legenda : 24 horas infernais

No mais mortífero dos ataques em Gaza, que está às escuras depois de um míssil ter atingido a única central elétrica do enclave, Israel mata pelo menos 120 palestinos. Até ontem, o conflito já havia provocado a morte de 53 israelenses e de 1.229 árabes.

Eleitor do DF é o de maior escolaridade

Dado integra perfil do eleitorado divulgado pelo TSE. Analistas avaliam que nível educacional elevado contribui para formar eleitores mais conscientes e críticos. No país, menos jovens irão às urnas em 2014: a população envelheceu.

Argentina vê o calote de perto

País tem até hoje para negociar as dívidas com “fundos abutres”.

 

Consumidor paga o rombo da luz

Tarifa de energia será reajustada para cobrir empréstimo das empresas.

Médica do DF morre com o vírus H1N1

 

Seu bolso – Endividado? Saiba como sair do sufoco

Brasileiros devem R$ 1 trilhão aos bancos. Um recorde. Veja dicas para fugir dos juros do cheque especial e do cartão. Mas cuidado ao tomar novos empréstimos.

Nas entrelinhas

Luiz Carlos Azedo

A radicalização é uma tentação para a presidente da República porque empolga os petistas, que se sentem acuados por causa do escândalo do mensalão. O PT vibra quando Dilma parte para cima. (Pág. 2)

Brasília-DF

Denise Rothenburg

A política é dos ricos

O custo das campanhas virou um corte na política este ano do PT ao DEM. Entre aqueles que dividem o valor do orçamento da campanha pelo número de votos que planejam ter, há quem tenha chegado a algo em torno de R$ 300, incluindo aí carros de som, panfletos e cabos eleitorais no Rio de Janeiro.

Correio Econômico

Vicente Nunes

Nada de enganação

A presidente Dilma Rousseff e seus principais opositores na campanha presidencial, Aécio Neves e Eduardo Campos, estarão hoje em Brasília cara a cara com alguns dos maiores empresários brasileiros. Certamente, os três serão pressionados a apresentar um plano de resgate para a indústria.

Visto, lido e ouvido

Ari Cunha

Fonte farta

De uma coisa os jornalistas não podem se queixar: o governo, nos últimos 12 anos, tem sido fonte abundante de fatos. Não passa um dia sequer sem que a usina de notícias do Palácio do Planalto produza algum acontecimento digno de nota. É verdade que grande parte dos fatos são largamente desabonadores para os atuais locatários do poder.

Zero Hora

Ucrânia motiva pressão à Russia

EUA e União Europeia aumentam sanções a empresas para forçar o fim do apoio de Vladimir Putin a rebeldes ucranianos.

Acordo para garantir vagas

Oito mil funcionários da Randon aceitam proposta de flexibilizar horários.

 

Sem-teto – Um novo perfil nas ocupações urbanas

Brasil Econômico

Manchete : Reajuste de energia em 2015 já parte de pelo menos 8%

O empréstimo concedido às distribuidoras terá um impacto de 16 pontos percentuais na conta de luz. Segundo a Aneel, o repasse será em duas parcelas, o que representa uma alta de 8% por ano até 2016. O governo espera compensar parte do aumento com a redução do preço da energia gerada por usinas cujos contratos serão renegociados no ano que vem. (Págs. 4 e 5)

FMI bate e Mantega rebate

O Fundo Monetário Internacional divulgou mais um relatório destacando a fragilidade do Brasil entre os emergentes, além de cobrar reformas estruturais. O ministro Guido Mantega disse que o FMI repete erros de outros analistas e que não haverá recessão.

Bancos lucram ainda mais com spreads

Relatório do Banco Central mostra que o ganho das instituições com a diferença entre o custo de captação e empréstimos dos recursos livres – não direcionados a financiamentos específicos, como imóveis e agricultura – aumentou para 20,9% em junho.

Trevas em Gaza

Os habitantes da Faixa de Gaza perderam ontem a única usina elétrica da região, destruída pelo exército israelense. Sem avanço nas negociações de trégua, os ataques continuam em ambos os lados. (Pág. 29)

Rússia

UE e Estados Unidos aplicam novas sanções econômicas, ainda mais duras.

Argentina

Credores europeus pedem para juiz de NY suspender decisão sobre a dívida.

As sombras de Brizola na eleição do Rio

Além de usarem a imagem do ex-governador gaúcho, morto há 10 anos, candidatos ao Palácio Guanabara reeditam a educação em tempo integral nos programas de governo. (Pág. 3)

Vai sobrar açúcar no Brasil…

Mercados internacionais superestocados e preço em queda fizeram as exportações caírem 14% de janeiro a maio. (Pág. 6)

Mosaico Político

Leonardo Fuhrmann

KASSAB: NA ELEIÇÃO PELO PSD

Apesar de ter o maior tempo de TV entre os candidatos ao Senado por São Paulo, o ex-prefeito paulistano Gilberto Kassab (PSD) não terá vida fácil na eleição deste ano. Pelo menos na opinião do diretor do Datafolha, Mauro Paulino. Para ele, os dois principais rivais de Kassab na eleição, o tucano José Serra e o petista Eduardo Suplicy, são mais conhecidos e contam com uma grande empatia do eleitorado paulista. (Pág. 3)

O mercado como ele é…

Luiz Sérgio Guimarães

TENSÃO GLOBAL VERGA JUROS

Na véspera da reunião de julho do comitê de política monetária do Federal Reserve (Fed), os juros de 10 anos do Tesouro americano caíram ontem de 2,49% para 2,47%. Nada a ver com a possibilidade de o Fed estender por mais tempo sua política de abundante liquidez. Tudo a ver com a tensão, em espiral crescente, no leste europeu. (Pág. 21)

Ponto Final

Octávio Costa

DO PESSIMISMO AO OTIMISMO

Ontem foi mais um dia de notícias negativas sobre a economia brasileira. Logo pela manhã foi divulgado o Índice de Confiança da Indústria, medido pela Fundação Getúlio Vargas, que caiu 3,2% em julho, na sétima queda consecutiva. Pela avaliação do superintendente adjunto de Ciclos Econômicos da FGV/Ibre, Aloisio Campelo, já se pode dizer que o desempenho da indústria de transformação no segundo semestre vai continuar lento.

Folha de S. Paulo

Manchete : Rússia sofre as mais duras sanções após a Guerra Fria

Apoio a separatistas no leste da Ucrânia motivou medidas de EUA e Europa

A União Europeia e os EUA ampliaram as sanções econômicas contra a Rússia, numa reação ao apoio do país de Vladimir Putin aos separatistas do leste ucraniano. Analistas consideram esse pacote o mais duro desde o fim da Guerra Fria. A pressão internacional contra os russos cresceu desde que um avião com 298 pessoas foi derrubado por um míssil em região da Ucrânia dominada por rebeldes. Essas novas medidas atingem as áreas de energia, tecnologia, finanças e defesa. (Mundo A10)

 

Bancos públicos terão de arcar com repasses ao setor elétrico

O Ministério da Fazenda está com dificuldades para fechar com bancos privados novo empréstimo de R$ 6,5 bilhões às distribuidoras de energia. Assim, BNDES, Caixa e Banco do Brasil arcarão com a maior parte. Os bancos privados que participaram do primeiro empréstimo, de R$ 11,2 bilhões, não aceitam as garantias dadas e pedem agora juro maior. (Mercado B1)

Bombardeio atinge única usina elétrica da faixa de Gaza

A única usina elétrica da faixa de Gaza, que gera dois terços da energia local, foi atingida por um bombardeio durante o conflito, que já dura 22 dias. Palestinos acusam Israel pelo ataque, mas o Exército diz que não está claro quem foi o responsável. O colapso piorou a situação humanitária e afetou até a distribuição de água.

Felipão recebeu R$ 4,1 milhões em rescisão com a CBF

Anunciado como novo técnico do Grêmio após a fracassada campanha na Copa do Mundo, Luiz Felipe Scolari recebeu da CBF ao menos R$ 4,1 milhões em sua rescisão contratual, o mesmo valor do coordenador Carlos Alberto Parreira. O auxiliar Flávio Murtosa ficou com R$ 751 mil. (Esporte D1)

Para o FMI, um calote argentino afetaria pouco os mercados

Foto-legenda : Secura

Leito de área do Alto Tietê, sistema que teve nível reduzido à metade ao atender usuários do Cantareira; Sabesp quer ampliar uso do ‘volume morto’ dos locais .

 

Exército continuará na Maré, no Rio, ao menos até a eleição

Julia Sweig

Nada justifica os túneis de terror do Hamas. (Mundo A14)

Alexandre Schwartsman

Análise do banco Santander não tem controvérsia

A análise do Santander sobre o desempenho de Dilma nas pesquisas nada trouxe de controverso. Se até o óbvio, amplamente noticiado pela imprensa, vira objeto de censura, pouco falta para que fujamos da controvérsia como quem tem um miúra nos calcanhares.

Editoriais

Leia “Malabarismo eleitoral”, acerca de sabatina com a presidente Dilma Rousseff, e “Indonésia em reformas”, sobre resultado de eleição no país. 

O que acontece no Brasil e no mundo, notícias atualizadas e dinâmicas, atualização toda hora, manchetes dos maiores e melhores jornais brasileiros.

    CALCINHA PRETA MANCHETE DOS JORNAIS HD

    Esse video foi ripado por: renato oliveira blog: http://varjota-animes.blogspot.com.br/ me adicionar ao facebook ... CALCINHA PRETA MANCHETE DOS JORNAIS HD Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

    CALCINHA PRETA - MANCHETE DE JORNAIS

    Videoclip de calcinha preta - manchete de jornais. CALCINHA PRETA - MANCHETE DE JORNAIS Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

    OS BACKYARDIGANS: MANCHETES DE JORNAL - EP.48

    Assine hoje mesmo em treehouse brasil http://www.youtube.com/channel/ucoex2plhpo4v6dwr7-dnpcw?sub_confirmation=1 tasha é uma fotógrafa e uma ... OS BACKYARDIGANS: MANCHETES DE JORNAL - EP.48 Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

    CALCINHA PRETA - MANCHETE DE JORNAL

    Http://www.facebook.com/welton.sales.5?ref=tn_tnmn :d manchete de jornal by wel.. :d para maiores informações nc_wel@hotmail.com. CALCINHA PRETA - MANCHETE DE JORNAL Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

    IBIRAJUBA É MANCHETE NO TV JORNAL NOTICIAS.

    IBIRAJUBA É MANCHETE NO TV JORNAL NOTICIAS. Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016

    Tudo sobre Notícias e manchetes de jornais, 30 de julho 2016, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Não deixe de ver isso

googloe-adsense-verbas

Sites sensacionalistas e de notícias falsas na mira do Google e Facebook, verbas cortadas

O Google e o Facebook adotaram medidas para cortar a receita de publicidade de sites com informações falsas, após uma.