Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

Home » Notícias » Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

medicoESTRANGEIRO-cubanos

medicoESTRANGEIRO-cubanos

Reportagens exibidas nesta semana pelo SBT Brasil que mostra médicos saindo do Hospital Estadual Roberto Chabo, em Araruama (RJ), logo após baterem o ponto, provocou a exoneração do secretário de Saúde do município, José Gomes de Carvalho, nesta quarta-feira (28). Carvalho também fazia parte do esquema de “médicos fantasmas” e chegou a parar com o carro na calçada para assinar o ponto e ir embora.

Um médico que já trabalha no hospital há oito anos e não quis se identificar afirmou durante entrevista à emissora que o diretor do hospital também está envolvido no esquema. “Há médicos que recebem e repassam uma parte para o diretor, há médicos que recebem porque são apadrinhados políticos”, afirmou.

Procurado pela reportagem do noticiário, o diretor do hospital, Carlos Alberto Peixoto Figueiredo Júnior, não quis comentar o assunto. Segundo o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde, ele tem cinco empregos, além do cargo de diretor, e trabalha 90 horas por semana.

A médica Valéria Cristina Ferreira também aparece na reportagem pensando em como sair do hospital e escapar do repórter após bater o ponto. “Eles estão nos dois portões. Sabem quem está vindo só para marcar o dedo. Ela tem dois empregos na unidade e é coordenadora da UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) de Araruama. De acordo com o SBT Brasil, ela foi afastada do cargo.

Outros “médicos fantasmas” citaram que algumas especialidades tinham esquema de sobreaviso e confirmaram que o diretor sabia de tudo. Um deles foi Benevuto de Mesquita Soares, que apareceu na primeira reportagem exibida pelo canal. “Foi a forma que eu fui contratado. Seria estranho ficar aqui três neurocirurgiões, três cirugiões e três anestesitas esperando os pacientes chegarem”, declarou.

A Secretaria de Estado da Saúde do Rio de Janeiro, após a exibição da primeira parte da reportagem, na segunda-feira (26), já havia afirmado que foi aberta uma sindicância por parte da Subsecretaria e Corregedoria da Saúde para investigar o caso.

De acordo com a secretaria, os nomes dos médicos envolvidos na fraude serão enviados ao Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro (Cremerj) para que a entidade investigue a conduta médica desses profissionais.

Caso seja comprovada a fraude, os médicos poderão ser demitidos e a Secretaria solicitará que a Procuradoria Geral do Estado entre com medidas judiciais cabíveis para que haja o ressarcimento desse dinheiro pago aos profissionais que não trabalharam.

De acordo com a reportagem do SBT, o hospital é utilizado por moradores de 11 cidades da Região dos Lagos, que têm juntas 770 mil habitantes. Em junho, o SBT Brasil denunciou que médicos da maternidade pública Leonor Mendes de Barros, na zona leste de São Paulo, agiam da mesma forma.

O que acontece no Brasil e no mundo, notícias atualizadas e dinâmicas, atualização toda hora, manchetes dos maiores e melhores jornais brasileiros.

    SBT BRASIL (14/09/16) EXCLUSIVO: MéDICOS BATEM O PONTO EM HOSPITAL ESTADUAL, MA ..

    O sbt brasil denuncia, com exclusividade, uma fraude dentro de um hospital estadual em guarulhos, a segunda maior cidade de são paulo. médicos fingem ... SBT BRASIL (14/09/16) EXCLUSIVO: MéDICOS BATEM O PONTO EM HOSPITAL ESTADUAL, MA .. Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

    MéDICOS BATEM PONTO SEM TRABALHAR EM HOSPITAL PúBLICO DE SP

    Alguns médicos da maternidade pública leonor mendes de barros, na zona leste de são paulo, passam diariamente no hospital apenas para marcar o ponto. MéDICOS BATEM PONTO SEM TRABALHAR EM HOSPITAL PúBLICO DE SP Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

    MéDICOS BATEM PONTO SEM TRABALHAR EM HOSPITAL DO RJ

    A reportagem exclusiva do sbt brasil mostra os médicos que assinam o ponto e vão embora sem prestar qualquer atendimento à população em hospital ... MéDICOS BATEM PONTO SEM TRABALHAR EM HOSPITAL DO RJ Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

    REDE RECORD APURA DENúNCIA DE MéDICOS BATEM PONTO E NãO TRABALHAM EM JUIZ DE ..

    Inscreva-se e receba atualizações - http://www.youtube.com/santocultoiurd?sub_confirmation=1 https://www.eucreio.net compartilhe nas suas redes sociais ... REDE RECORD APURA DENúNCIA DE MéDICOS BATEM PONTO E NãO TRABALHAM EM JUIZ DE .. Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

    FLAGRANTE DE MÉDICOS 171 BATEM PONTO E VÃO EMBORA!!!!

    E ainda nÃo querem mÉdicos cubanos vejam a farra que os mÉdicos brasileiros fazem com o dinheiro publico eles vÃo atÉ o ... FLAGRANTE DE MÉDICOS 171 BATEM PONTO E VÃO EMBORA!!!! Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito

    Tudo sobre Médicos que batiam ponto e não trabalhavam são afastados e irão responder inquérito, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Um comentário

  1. Isso é uma máfia. Todos tem conhecimento sobre quem trabalha e quem não trabalha. Deveriam ser excluídos do quadro de funcionários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Não deixe de ver isso

googloe-adsense-verbas

Sites sensacionalistas e de notícias falsas na mira do Google e Facebook, verbas cortadas

O Google e o Facebook adotaram medidas para cortar a receita de publicidade de sites com informações falsas, após uma.