Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF-R3 – Comparativo

Home » Comparativo » Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF-R3 – Comparativo

download (24)

download (23)

A Kawasaki Ninja 300 chegou ao Brasil em dezembro de 2012, apenas três meses depois de ser apresentada mundialmente. Com um visual profundamente atualizado, mais equipada e potente, ela chegava para substituir a Ninjinha 250R, até então a moto líder de vendas em um segmento que contava ainda com a Honda CBR 250R, Kasinski Comet GTR 250 GTR e Dafra Roadwin 250.

A Ninja 300 manteve a hegemonia entre as pequenas esportivas e reinava tranquila… até que em agosto do ano passado a Yamaha chegou com a inédita YZF-R3.

Curiosamente, nenhum dos dois modelos tem exatos 300 cm, são 296 cm na Ninja e 320,6 cm na R3, essa pequena distância entre elas na capacidade do motor significa uma distância entre elas na capacidade do motor significa uam diferença de apenas 1 km/h na velocidade máxima, dois quilos na balança com ambas as motos abastecidas e apenas dois décimos na aceleração de 0 a 100 km/h. Evidentemente que encontramos diferenças na performance entre elas seja algo decisivo é um exagero.

YZF-R3

Os três cavalos que as separam segundo as fichas técnicas oficiais, ou a diferença na forma com que potência e torque se apresentam durante toda a faixa de giros não é tão perceptível na prática quando rodamos com elas nas ruas ou estradas. Quando a Yamaha decidiu entrar nesse segmento diferenciadão na cilindrada, mas manteve a essência da família YZF com carenagens frontais bem afiladas, uma bolha minimalista e, contrariamente ao que sua imagem radical faz supor, uma posição de pilotagem ligeiramente mais confortável que a da Ninja.

Nesse sentido, a diferença entre elas também não é muito grande, a não ser pela proteção aerodinâmica proporcionada pela bolha mais alta e larga da Kawasaki. Ainda no aspecto da comodidade, apenas a Ninja traz dois pequenos recordes sob a rabeta para o garupa se segurar. Longe do ideal, mas melhor que a R3, que nem isso tem.

Herança Ninja

A saga Ninja começou na década de 1980 com a GPZ 900, depois vieram as ZZR e, finalmente, chegamos ás ZX-R, geração que deu um salto definitivo em direção á esportividade e á tecnologia. E é desse ponto que a nossa Ninja 300 tomou o impulso necessário para lançar-se ao mercado: frente, rodas, tanque… Tudo é claramente inspirado na ZX-10R e na ZX-636R. Ainda que seu estilo chame a atenção por onde passa, o som que sai do escape da Kawasaki é muito mais discreto que o da sua rival.

Em marcha lenta a Ninja mal se ouve, e mesmo quando arrancamos forte explorando todo o conta-giros ela não chega a fazer as pessoas virar a cabeça. A embreagem com pouco curso dificulta um pouco a dosagem do manete esquerdo nessas situações (não é uma questão de regulagem), mas logo nos habituamos ás suas repostas.

Ainda que seja muito provável que uma Ninja 300 passe grande parte de seu tempo circulando pela cidade, nós não só rodamos com ela em ruas e avenidas como também em algumas estradas vicinais, e a moto surpreende. É muito difícil apontar um ponto negativo, independentemente do ambiente em que rodarmos. Além do banco não ser alto, ela é bem leve e esterça bem, o que facilita muito nossa vida nas manobras entre os carros.

ninja-lateral

As suspensões da pequena Ninja também mostram sua vocação urbana, absorvendo as irregularidades do asfalto melhor do que se poderia esperar para um modelo com pretensões esportivas. O melhor é que mesmo com uma calibragem que privilegia o conforto, as bengalas não afundam exageradamente em frenagens mais fortes. Freios, aliás, que também funcionam de maneira irrepreensível, no tato ou na potência.

Uma legítima YZF

Como comentamos, a R3 capta a essência de casta YZF, incluindo a identidade visual e a escassa proteção aerodinâmica, entretanto, fica nítido que na hora de definir a ergonomia, posição de pilotagem e temperamento de sua menor esportiva, a Yamaha seguiu a mesma receita que a Kawasaki usou na Ninja 300. Afinal, se já estava aprovada pelo mercado, por que radicalizar?

    2016 YAMAHA R3 VS NINJA 300 | REVIEW/DYNO

    Want a sticker? $3.00 us $5.00 international send payment to my paypal account - hammy4949motovlog@gmail.com (leave shipping details) huge ... 2016 YAMAHA R3 VS NINJA 300 | REVIEW/DYNO Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo

    NINJA 300 VS YAMAHA R3 X MOTOS DRAG RACE

    Ninja 300 vs yamaha r3 duelo xmotos, drag race. esperamos que cumplan sus expectativas es nuestro 3er video con esta sorpresa y esperamos que ... NINJA 300 VS YAMAHA R3 X MOTOS DRAG RACE Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo

    [COMPARATIVO] KAWASAKI NINJA 300 VS YAMAHA YZF-R3 - MOTONEWS

    Twitter:https://twitter.com/motonewsbr facebook: https://www.facebook.com/motonewsbr blog oficial: http://canal-motonews.blogspot.com.br/ [COMPARATIVO] KAWASAKI NINJA 300 VS YAMAHA YZF-R3 - MOTONEWS Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo

    KAWASAKI NINJA 300 VS YAMAHA R1 - RACING TWISTIES #5 ALTENBERG

    Like me on facebook! ;) http://www.facebook.com/murtanio ↓↓↓for more information↓↓↓ https://www.instagram.com/murtanio my mate and me ... KAWASAKI NINJA 300 VS YAMAHA R1 - RACING TWISTIES #5 ALTENBERG Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo

    YAMAHA YZF R3 VS KTM RC390 VS KAWASAKI NINJA 300 : REVIEW : POWERDRIFT

    Deciding a one-size-fits-all winner in the quarter litre segment is a tricky affair. these motorcycles are the stepping stone into more evolved performance ... YAMAHA YZF R3 VS KTM RC390 VS KAWASAKI NINJA 300 : REVIEW : POWERDRIFT Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo

    Tudo sobre Kawasaki Ninja 300 x Yamaha YZF R3 – Comparativo, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Não deixe de ver isso

ahd

Comparativo: Honda Civic x Audi A3 Sedan 2017

Os poucos carros alemães estãu deixando de ser unanimidade, entenda. Não faz muito tempo, dono de carro de marca japonesa.