Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

Home » Honda » Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

linha-8_800x600

Estamos falando de um dos veículos mais cobiçados pelos brasileiros é a motocicleta, por ser econômica, rápida, ter facilidade de locomoção chegando a custar menos que o transporte coletivo por mês e com até 6,3 mil reais você pode comprar direto da concessionária.

A Moto Honda da Amazônia foi Inaugurada há quase 40 anos, com produção de 3,5 mil motos por dia em 26 modelos diferentes e em cada 25 segundos uma moto fica pronta na fábrica. A Honda segue em ampliação da verticalização de sua fábrica de motocicletas.

img94119-1455882460-v580x435

  1. Pesquisa & Desenvolvimento de Produtos

Antes de desenvolver um novo modelo, a Honda vai às ruas para conhecer o que as pessoas esperam de uma motocicleta, como pretendem usá-la, o que imaginam em termos de design, estilo, performance e ergonomia. Com essas informações em mãos, os profissionais do Centro de Desenvolvimento e Tecnologia (CDT) de Manaus dão início ao processo de desenvolvimento de um novo produto.

Além do conceito do modelo, a equipe de Engenharia realiza o detalhamento item a item de todas as peças e componentes que irão compor o veículo. Para confecção dessas peças, são desenvolvidos moldes e ferramentas para a produção. Os mesmos são testados e seguem para processamento nos equipamentos que irão executar o trabalho em cada um dos processos produtivos, como podemos ver abaixo.

  1. Processos de sinterização e fundição

A Honda é a única fabricante do setor a realizar o processo de sinterização, que consiste em compactar um pó metálico composto de ferro, cobre, níquel e grafite para formar peças como a engrenagem que compõe o conjunto de embreagem do motor. Após a compactação, essas peças passam por um forno a 1.150ºC, onde ocorre a sinterização para que saiam prontas para a montagem na motocicleta.

Outro processo inicial importante é a fabricação de peças de alumínio. Todos os componentes utilizam ligas especiais de alumínio como matéria-prima, que são injetadas através de modernos equipamentos em moldes projetados para conformar, com alta precisão, peças como as rodas de liga leve,componentes do motor, entre outras.

  1. Processo de usinagem

Responsável pelo acabamento de componentes de alumínio fundidos e outras partes do motor. O processo exige precisão para dar o acabamento final e fundamental para garantir a durabilidade e eficiência dos motores.

  1. Spin casting

O novo processo realizado dentro da unidade de Manaus utiliza o forno de fusão de aço e a fundição centrífuga para a fabricação da camisa do cilindro do motor. A fundição centrifugada de ferro corresponde ao processo de transformação da matéria-prima em um tubo. Essa peça é então extraída do molde, cortada e usinada. A camisa do cilindro é responsável pela passagem do pistão no motor. Utilizando essa técnica inovadora de produção, esta peça impacta tanto no rendimento do motor, quanto em relação à potência e economia de combustível.

  1. Estamparia

As peças que envolvem maior precisão e compõem os chassis das motos são estampadas em enormes prensas e soldadas por robôs. A matéria prima dos chassis é composta de chapas e tubos. O conjunto segue para a pintura de aço e recebe acabamento antes de ir para a linha de montagem da motocicleta. Sua rigidez, propriedades e dimensões são verificadas em laboratório através de teste de materiais, performance e durabilidade.

  1. Injeção plástica

Com moldes de alta tecnologia, equipamentos injetam as resinas que resultam em peças plásticas com alta resistência e qualidade de acabamento, como para-lamas e tampas laterais, que compõe o visual da motocicleta.

moto-honda-fabricacao

  1. Fabricação de assento

A Moto Honda da Amazônia é uma das poucas fábricas da Honda no mundo que possui um departamento para a produção dos assentos que compõem as motocicletas. Trata-se de um processo em que são injetadas as espumas através de moldes e a napa é cortada e moldada, dando origem ao assento das motocicletas.

  1. Solda

É fundamental para complementar a estrutura final do conjunto chassi, tanque de combustível, garfo traseiro, escapamento e outros subconjuntos. Nessa etapa, as partes são soldadas, ou seja, fixadas umas às outras, e seguem para a pintura eletrostática.

  1. Pintura

Permite o acabamento final e garante maior resistência pelo tratamento superficial dessas peças e/ou componentes. Com processos de pintura bastante diversificados e que acontecem paralelamente em diversos setores. Todos atendem rigorosamente as normas ambientais com produtos não nocivos (à base de água), estação de tratamento de efluentes e cuidados especiais no manuseio. A pintura do tanque tornou-se ainda mais eficiente, reduzindo o consumo de tinta.

  1. Motores

A produção dos motores que equipam as motocicletas é um capitulo a parte. Após a fabricação de todos os componentes do motor e recebimento das peças produzidas pelos fornecedores, todos os itens seguem para a linha de montagem, o conjunto motor e transmissão são montados, ajustados e então encaminhados para a etapa final de produção da motocicleta.

  1. Linha de montagem

Conforme os conjuntos de guidão, rodas, escapamentos, chassis, tanques e motores, entre outros, vão ficando prontos e devidamente inspecionados seguem por transportadores aéreos e terrestres para abastecer todas as linhas de montagem. O chassi é suspenso em uma esteira e cada cavalete recebe as peças e componentes que o transformarão em uma motocicleta completa.  A precisão e a rapidez nas linhas de montagem são tão grandes que, em intervalos de segundos, fica pronta uma nova motocicleta para seguir para a esteira de testes.

  1. Inspeção final

Após a realização de todos os processos de fabricação e montagem, os modelos são levados à inspeção final, onde 100% dos veículos montados são inspecionados e submetidos a testes funcionais, garantindo a qualidade final do produto Honda.

  1. Pesquisa & Desenvolvimento de Produtos

Antes de desenvolver um novo modelo, a Honda vai às ruas para conhecer o que as pessoas esperam de uma motocicleta, como pretendem usá-la, o que imaginam em termos de design, estilo, performance e ergonomia. Com essas informações em mãos, os profissionais do Centro de Desenvolvimento e Tecnologia (CDT) de Manaus dão início ao processo de desenvolvimento de um novo produto.

Além do conceito do modelo, a equipe de Engenharia realiza o detalhamento item a item de todas as peças e componentes que irão compor o veículo. Para confecção dessas peças, são desenvolvidos moldes e ferramentas para a produção. Os mesmos são testados e seguem para processamento nos equipamentos que irão executar o trabalho em cada um dos processos produtivos, como podemos ver abaixo.

  1. Processos de sinterização e fundição

A Honda é a única fabricante do setor a realizar o processo de sinterização, que consiste em compactar um pó metálico composto de ferro, cobre, níquel e grafite para formar peças como a engrenagem que compõe o conjunto de embreagem do motor. Após a compactação, essas peças passam por um forno a 1.150ºC, onde ocorre a sinterização para que saiam prontas para a montagem na motocicleta.

Outro processo inicial importante é a fabricação de peças de alumínio. Todos os componentes utilizam ligas especiais de alumínio como matéria-prima, que são injetadas através de modernos equipamentos em moldes projetados para conformar, com alta precisão, peças como as rodas de liga leve,componentes do motor, entre outras.

  1. Processo de usinagem

Responsável pelo acabamento de componentes de alumínio fundidos e outras partes do motor. O processo exige precisão para dar o acabamento final e fundamental para garantir a durabilidade e eficiência dos motores.

  1. Spin casting

O novo processo realizado dentro da unidade de Manaus utiliza o forno de fusão de aço e a fundição centrífuga para a fabricação da camisa do cilindro do motor. A fundição centrifugada de ferro corresponde ao processo de transformação da matéria-prima em um tubo. Essa peça é então extraída do molde, cortada e usinada. A camisa do cilindro é responsável pela passagem do pistão no motor. Utilizando essa técnica inovadora de produção, esta peça impacta tanto no rendimento do motor, quanto em relação à potência e economia de combustível.

  1. Estamparia

As peças que envolvem maior precisão e compõem os chassis das motos são estampadas em enormes prensas e soldadas por robôs. A matéria prima dos chassis é composta de chapas e tubos. O conjunto segue para a pintura de aço e recebe acabamento antes de ir para a linha de montagem da motocicleta. Sua rigidez, propriedades e dimensões são verificadas em laboratório através de teste de materiais, performance e durabilidade.

  1. Injeção plástica

Com moldes de alta tecnologia, equipamentos injetam as resinas que resultam em peças plásticas com alta resistência e qualidade de acabamento, como para-lamas e tampas laterais, que compõe o visual da motocicleta.

  1. Fabricação de assento

A Moto Honda da Amazônia é uma das poucas fábricas da Honda no mundo que possui um departamento para a produção dos assentos que compõem as motocicletas. Trata-se de um processo em que são injetadas as espumas através de moldes e a napa é cortada e moldada, dando origem ao assento das motocicletas.

  1. Solda

É fundamental para complementar a estrutura final do conjunto chassi, tanque de combustível, garfo traseiro, escapamento e outros subconjuntos. Nessa etapa, as partes são soldadas, ou seja, fixadas umas às outras, e seguem para a pintura eletrostática.

  1. Pintura

Permite o acabamento final e garante maior resistência pelo tratamento superficial dessas peças e/ou componentes. Com processos de pintura bastante diversificados e que acontecem paralelamente em diversos setores. Todos atendem rigorosamente as normas ambientais com produtos não nocivos (à base de água), estação de tratamento de efluentes e cuidados especiais no manuseio. A pintura do tanque tornou-se ainda mais eficiente, reduzindo o consumo de tinta.

  1. Motores

A produção dos motores que equipam as motocicletas é um capitulo a parte. Após a fabricação de todos os componentes do motor e recebimento das peças produzidas pelos fornecedores, todos os itens seguem para a linha de montagem, o conjunto motor e transmissão são montados, ajustados e então encaminhados para a etapa final de produção da motocicleta.

  1. Linha de montagem

Conforme os conjuntos de guidão, rodas, escapamentos, chassis, tanques e motores, entre outros, vão ficando prontos e devidamente inspecionados seguem por transportadores aéreos e terrestres para abastecer todas as linhas de montagem. O chassi é suspenso em uma esteira e cada cavalete recebe as peças e componentes que o transformarão em uma motocicleta completa.  A precisão e a rapidez nas linhas de montagem são tão grandes que, em intervalos de segundos, fica pronta uma nova motocicleta para seguir para a esteira de testes.

  1. Inspeção final

Após a realização de todos os processos de fabricação e montagem, os modelos são levados à inspeção final, onde 100% dos veículos montados são inspecionados e submetidos a testes funcionais, garantindo a qualidade final do produto Honda.

TODAS MOTOS FABRICADAS PELA HONDA

B

  • Honda Biz

C

  • Honda CB 1000R
  • Honda CB 300 R
  • Honda CB 400
  • Honda CB 400 Four
  • Honda CB 400 SuperFour
  • Honda CB 500
  • Honda CB 500 Four
  • Honda CB250F Hornet
  • Honda CB250RS
  • Honda CB450DX
  • Honda CB600F Hornet
  • Honda CB700SC
  • Honda CBF 600
  • Honda CBR 1100XX SuperBlackbird
  • Honda CBR 400 RR
  • Honda CBR 450 SR
  • Honda CBR 600F
  • Honda CBR 600RR
  • Honda CBR 929RR Fireblade
  • Honda CBR 954RR Fireblade
  • Honda CBR1000RR
  • Honda CBX 1000
  • Honda CBX 150 AERO
  • Honda CBX 250 Twister
  • Honda CG 125
  • Honda CG 150
  • Honda CG 150 Titan Mix
  • Honda C100 Dream
  • Honda CRF450R
  • Honda CB1300
  • Honda CB 50
  • Honda CBF 125
  • Honda CBF125
  • Honda CBX 750F

F

  • Honda Fury

G

  • Honda Goldwing

H

  • Honda Activa-i
  • Honda CB 900 Bold’Or
  • Honda CBR 250
  • Honda CBR 250R (2011)
  • Honda Lead 110
  • Honda NSR125
  • Honda Shadow
  • Honda VTX
  • Honda XLX 350R
  • Honda XRE 300

N

  • Honda NSR500
  • Honda NX 200
  • Honda NX 350 Sahara
  • Honda NX 650
  • Honda NX4 Falcon
  • Honda NXR 150 BROS
  • Honda RS250R

O

  • Honda Oree

P

  • Honda POP 100

R

  • Honda RC51
  • Honda RC211V
  • Honda RC212V

S

  • Honda ST1100
  • Honda ST1300

V

  • Honda VF 750C Magna
  • Honda Valkyrie

X

  • Honda CRF 230F
  • Honda CRF 250R
  • Honda CRF 250X
  • Honda CRF 450R
  • Honda CRF 450X
  • Honda XL 125 Duty
  • Honda XL 250R
  • Honda XL 650 Transalp
  • Honda XL 700 Transalp
  • Honda XL125V
  • Honda XLR 125
  • Honda XLX 250R
  • Honda XR 200R
  • Honda XR 250 Tornado
  • Honda XR 400
  • Honda XR 650
  • Honda XRV 750 Africa Twin
  • Honda XL 1000V Varadero
  • Honda XL 200
Lançamentos de motocicletas e automóveis da Honda, interior, preço, valor do seguro, cores, carros que estão chegando no mercado, outros que vão sair de linha, defeitos e como desbloquear central multimídia da marca.

    GERADOR DE ENERGIA ELéTRICA 2200W - A GASOLINA - MOTOR 4 TEMPOS - TG2500MX - TO ..

    Http://www.atacadistasonline.com.br/gerador-de-energia-eletrica-a-gasolina-motor-4-tempos-2200w-110v-2-2-kva-tg2500mx-toyama-pr-404-15858.htm o ... GERADOR DE ENERGIA ELéTRICA 2200W - A GASOLINA - MOTOR 4 TEMPOS - TG2500MX - TO .. Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

    RD 350 - O MITO!!!

    Rd 350 - uma das mais lendarias motos já fafricada! há muitas verdades e mentiras sobre essa moto, que fez e ainda faz sucesso nas ruas. rd 350, a moto ... RD 350 - O MITO!!! Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

    YAMAHA RD 350 NOVO LAYOUT ANO DE 2015 NOVA RD PARA APAIXONADOS

    A volta da rd 350 para os apaixonados! com novo modelo mais apaixonante do que nnunca ! YAMAHA RD 350 NOVO LAYOUT ANO DE 2015 NOVA RD PARA APAIXONADOS Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

    FAZER LIBERANDO FUMAçA BRANCA QUANDO MOTOR ESTA FRIO

    Sera que vou ter que mandar fazer o motor da moto ou pode ser algo simples? só acontece isso quando ela ta fria,depois sai só a fumacinha normal da queima ... FAZER LIBERANDO FUMAçA BRANCA QUANDO MOTOR ESTA FRIO Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

    MOTODICA 002 - TROCA DA PASTILHA DE FREIO TRASEIRA.

    Bom, primeiro de mais nada eu peço desculpas pela falta de jeito em filmar, explicar e efetuar a troca da pastilha. espero que este vídeo seja útil a quem estiver ... MOTODICA 002 - TROCA DA PASTILHA DE FREIO TRASEIRA. Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação

    Tudo sobre Honda produz 3500 motocicletas por dia, veja como é todo o processo de fabricação, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.


Não deixe de ver isso

ahd

Comparativo: Honda Civic x Audi A3 Sedan 2017

Os poucos carros alemães estãu deixando de ser unanimidade, entenda. Não faz muito tempo, dono de carro de marca japonesa.