Golpes no WhatsApp – Dicas para não cair em ‘ciladas’

Home » Tecnologia » Golpes no WhatsApp – Dicas para não cair em ‘ciladas’

whh

whhO WhatsApp tem sido usado por criminosos para aplicar golpes. Os mais recentes são cupons de descontos falsos, mas promessas de uma versão “azul” ou “transparente” do aplicativo também são maneiras de roubar dados financeiros e pessoais dos usuários. Essas mensagens se espalham rapidamente pelos grupos e infectam sem muito esforço muitos smartphones ao mesmo tempo. Para usar o WhatsApp se manter seguro, confira estas sete dicas simples e não seja enganado.

1. Não abrir links desconhecidos no celular, tablet ou web

O WhatsApp é um mensageiro muito popular. Ele está disponível para celulares e tablets com sistemaAndroid, iPhone, Windows Phone, BlackBerry, Nokia, além da versão Web para PC. Por todas elas os usuários podem visualizar os recados recebidos e enviados, inclusive, por desconhecidos. Por isso, é importante ficar atento.

Muitos vírus são disseminados pelo aplicativo e seus amigos podem estar compartilhando links, principalmente os reduzidos, sem saber que são maliciosos. Então, antes de acessar, pergunte para o contato ou no grupo do WhatsApp do que se trata o link e confira a fonte.

2. Evitar baixar vídeo, imagem e áudio com conteúdo duvidoso

Muitos malwares podem ser baixados no celular ou computador por meio de um vídeo, foto ou até arquivo de áudio enviado de forma mal intencionada no WhatsApp. Eles ocultam um vírus ou software executável e costumam utilizar temas polêmicos para chamar a atenção ou que estejam em destaque na mídia nos últimos dias, para se disseminar rapidamente.

São temas recorrentes: vídeos adultos, sobre política, atos violentos ou até com alguma “exclusividade”. Isso pode ser um golpe: após o programa malicioso ser instalado no dispositivo, o cibercriminoso poderá ter acesso ao que for digitado ou acessado por você.

3. Não instalar apk externa: prefira a oficial do WhatsApp

Em busca de ter o app sempre atualizado, usuários baixam o aplicativo em apk, e não no site oficial do WhatsApp ou nas lojas de aplicativos. E esse é um grande risco, pois podem acabar baixando uma apk falsa. Confira se a atualização está no site oficial do WhatsApp, em caso de atualização, e escolha sempre baixar o aplicativo da loja do seu sistema: Google Play Store (Android), App Store (iPhone) e WP Store (Windows Phone).

Vale lembrar que no caso do computador, não há softwares oficiais para instalar: a única versão disponível para PC é o WhatsApp Web, acessada pelos principais navegadores.

4. Não baixar versões falsas: WhatsApp Plus ou “azul”

Muitos sites prometem uma versão diferente do WhatsApp como o WhatsApp Plus ou “azul”. Mas esses apps podem ser prejudiciais para o funcionamento do seu aparelho e ainda instalar vírus para roubar seus dados.

Com isso, cibercriminosos fazem compras indevidas com cartões de crédito e usam informações pessoais ilegalmente. Então, baixe apenas na opção oficial do WhatsApp, lembrando que com o uso doapp “Plus” sua conta no mensageiro poderá ser suspensa.

5. Não enviar dados pessoais ou bancários em mensagens

Uma dica básica é não enviar seus dados pessoais ou bancários para o contato pelo mensageiro. E esse alerta vale tanto para a versão web quanto para o aplicativo. Dessa forma, você não corre o risco de a informação ser interceptada por terceiros que queriam hackear sua conta.

Além disso, alguns links enviados em mensagens no WhatsApp pedem um cadastro para a compra de algum produto: na dúvida, se não tiver certeza da finalidade, não faça. Prefira sistemas de pagamentos seguros, como PagSeguro, PayPal ou comprar diretamente no site da loja.

Como remover o “Visto pela última vez” do WhatsApp? Aprenda no Fórum do TechTudo.

6) Altere as configurações de privacidade

O WhatsApp oferece diversas configurações de privacidade para manter os usuários mais seguros. É possível limitar quem vê sua foto de perfil, status e última visualização. No app, está disponível um botão bloquear um recado e acusar de spam, logo na tela de mensagem, caso um contato desconhecido envie algo suspeito.

Assim, você evita receber links de spam, que podem conter vírus embutidos ou acabar caindo em algum golpe, preenchendo cadastros falsos. Um recurso interessante é poder remover o alerta de “visto por último” do WhatsApp: ninguém vai saber quando você estiver online no mensageiro. As funções podem ser encontradas no menu de “Configurações” do app, no item “Conta” e depois na categoria de “Privacidade”.

7) Desconfiar sempre de cupons de promoções

Alguma loja famosa enviou um cupom de desconto pelo WhatsApp? Desconfie, principalmente para valores altos e se você não tiver se cadastrado em nenhuma promoção. A maioria das empresas fazem contato por e-mail, telefone ou no próprio site. Caso prefira confirmar, antes de clicar ou abrir qualquer link que possa ser prejudicial, entre em contato com a central de atendimento ao consumidor da loja para tirar a dúvida.

Nos últimos meses, diversos golpes rondaram o mensageiro nessa categoria: cupons do Starbucks, comdescontos “imperdíveis” na Zara e H&M, além do uso indevido de nomes de varejistas nacionais para roubar dados. Isso pode causar bastante dor de cabeça, com cobranças indevidas na conta de celular, nos cartões de crédito e débito ou até problemas com dados pessoais.

Novidades do mundo tecnológico, review de smartphone, celular, dispositivos eletrônicos, como desbloquear e destravar senhas, além de preço e ficha técnica do aparelho.

    DICAS AOS IMIGRANTES ! MUITA GENTE CAINDO NESTA CONVERSA !

    Todos os dias conversamos com pessoas que mel chegam nos estados unidos e já começam a sentir os efeitos dos pequenos golpes. quem chega cheio de ... DICAS AOS IMIGRANTES ! MUITA GENTE CAINDO NESTA CONVERSA ! Golpes no WhatsApp – Dicas para não cair em ‘ciladas’

    Tudo sobre Golpes no WhatsApp – Dicas para não cair em ‘ciladas’, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Novidades Tecnologia 2016 / 2017

    Está pensando em jogar games no PC? Talvez essa seja uma boa hora para começar

    Cross-play, DirectX12 e muito mais Como o cross-play, o DirectX12 e os novos recursos do Windows 10 ampliam e complementam a funcionalidade de seus consoles.

ZOWIE consolida presença no Brasil com linha de acessórios para eSports

Marca teve estande exclusivo durante a ESL CS:GO Pro League Marca teve estande exclusivo durante a ESL CS:GO Pro League, onde lançou sua linha de monitores no país.

Black Friday: Dell oferece descontos de até R$ 1 mil em linha de notebooks gamer

Ter um Alienware nunca foi tão barato O Inspiron 15 Gaming está saindo por R$ 3.870 (R$ 800 de desconto) e a promoção incluí descontos inclusive nos equipamentos lançados durante a BGS 2016.

Wired Festival chega ao Brasil reunindo as mentes mais inovadoras do mundo

Evento acontece no Rio de Janeiro nos dias 2 e 3 de dezembro Com 30 palestras confirmadas, evento da cultuada revista norte-americana promete ser um dos mais importantes eventos de tecnologia do ano.

Amazon lança kindle especial para mangás

Já quero o meu Empresa revelou o Kindle Paperwhite Manga, plataforma especial para quem gosta de ler revistas japonesas ilustradas.

Torneio internacional de CS:GO e League of Legends será transmitido em realidade virtual

Atenção, fãs de eSports! A ESL anunciou que a IEM Oakland vai trazer um novo jeito de assistir competições de LoL e Counter-Strike: Global Offensive.

Atualização de Minecraft será lançada para Mobile, Windows 10 e Gear VR

O Ender Dragon se aproxima! Antes do final deste ano, a dimensão The End será finalmente introduzida a outras versões do jogo.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Não deixe de ver isso

img_6283-1.jpg

Chronos: câmera de alta velocidade, compacta e com preço acessível

A Chronos é uma câmera de alta velocidade que busca ser uma opção compacta e barata para quem quer gravar.