NovasdoDia » Mercado » Economia: para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados

Economia: para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados

Que estamos passando por um período de crise ou acomodação de preços, só louco que negam, a situação não está boa principalmente para classe média alta, a  inflação em alta fez com que os paulistanos se endividassem mais para manter o padrão de consumo. É o que mostra pesquisa de Fecomercio-SP (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo), que diz que mais da metade das famílias paulistanas estão endividadas.

O número de famílias endividadas em janeiro deste ano chegou a 1,963 milhão, um avanço de 12,1% em relação ao mesmo mês de 2013. Com isso, o percentual chegou a 54,7% do total de famílias, contra 48,8% em janeiro de 2013.

“Para manter o padrão de consumo, o paulistano teve que se endividar mais”, diz Fernanda Della Rosa, assessora econômica da Fecomercio-SP. Ela cita as despesas com alimentos como um dos fatores que fizeram crescer o número de famílias endividadas.

contas-pagar

No ano de 2013, os meses de maior endividamento foram abril e maio, com 57,1%. Segundo Della Rosa, uma das causas para o crescimento do índice é a alta da inflação. O IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), a inflação oficial do país, ficou em 6,49% em abril e 6,50% em maio. A alta do dólar, de acordo com ela, também colabora com o cenário.

O grupo alimentação registrou alta de 8,48% no ano e foi um dos principais responsáveis pelo avanço do índice.

Embora seja o maior percentual registrado no primeiro mês do ano desde 2007, quando a taxa chegou a 57,9%, o índice não é considerado assustador por especialistas.

“Janeiro costuma ser um mês crítico por causa do acúmulo das dívidas. Além disso, não tem mais o 13º salário e o consumidor tende a adquirir novas dívidas com gastos escolares, férias e impostos”, diz Della Rosa.

O índice de endividamento, apurado desde fevereiro de 2004, teve sua alta mais expressiva em junho do mesmo ano, quando chegou a 72,1%.

  • Quem são os inadimplentes?

Segundo a pesquisa, o cartão de crédito continua sendo a principal fonte de dívida; 69,5% dos endividados possuem débitos nessa modalidade. Em segundo lugar vêm os financiamentos de veículos e os carnês, com 19,6% e 17,1%, respectivamente.

A maioria das famílias endividadas, 57,4%, tem renda de até 10 salários mínimos. As famílias com mais de 10 salários mínimos que admitiram possuir dívidas voluntárias de consumo respondem por 47% dos entrevistados.

O indicador ainda revela que 40,1% das famílias endividadas possuem dívidas por mais de um ano.

Via Folha


Como anda o mercado imobiliário e a economia, tudo sobre a bolha imobiliária, ranking de empresas, gastos, publicidade, etc.

    JC DEBATE | PADRãO DE BELEZA IRREAL | 23/06/2017

    O jc debate discute os transtornos que a luta para se enquadrar em padrões estéticos irreais impostos pela mídia e pela sociedade causam na vida da ... JC DEBATE | PADRãO DE BELEZA IRREAL | 23/06/2017 Economia para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados

    SISTEMA FINANCEIRO MUNDIAL

    O sistema financeiro mundial antes de 1944 utilizava o ouro como padrão contra o qual as outras moedas eram indexadas. assim as notas de papel, eram ... SISTEMA FINANCEIRO MUNDIAL Economia para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados

    NãO ESTá TENDO CRISE

    Com a crise econômica no país, é preciso cortar alguns gastos. aprenda com esse vídeo algumas dicas de manter seu padrão de vida, mesmo com a crise. NãO ESTá TENDO CRISE Economia para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados

    Tudo sobre Economia para manter padrão ou aparência brasileiros estão cada vez mais endividados, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *