NovasdoDia » Atualidades » Dinheiro público: escolas de samba vão receber R$ 1 milhão cada da prefeitura do Rio

Dinheiro público: escolas de samba vão receber R$ 1 milhão cada da prefeitura do Rio

corrupção_edcarlos-carnaval

Entra ano e sai ano e a farra com o dinheiro público no Brasil não acaba, denúncia enviada à Justiça, em novembro de 2013, muitas notas fiscais eram irregulares. A Mangueira, por exemplo, apresentou uma nota de R$ 43 mil, da Nivio Rio Comércio, e de R$ 155.884, da Pangola Distribuidora de Papéis de Plásticos, quando as empresas estavam inativas.

A prefeitura do Rio decidiu manter para o carnaval de 2014 o subsídio de R$ 1 milhão para cada uma das 12 escolas de samba do Grupo Especial. Os convênios entre as agremiações e a Riotur para apoiar os preparativos dos desfiles, foram assinados no dia 10 de dezembro mas divulgados nesta sexta-feira pelo Diário Oficial, com a publicação dos extratos dos contratos. Segundo a Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa) as agremiações já receberam 90% da verba às vésperas de Natal.

A nova parceria foi fechada cerca de um mês após o Ministério Público estadual ter entrado com uma ação de improbidade administrativa contra o prefeito Eduardo Paes, o secretário municipal de Turismo, Antonio Pedro Figueira de Mello, e dirigentes da Riotur por supostas irregularidades na prestação de contas de convênios firmados com as escolas de samba em 2011 e 2012. Na época, os convênios previam que os recursos seriam usados para o evento “Viradão do Momo” em janeiro, série de atividades culturais nas quadras. Mas segundo o Ministério Público, na prática, quase todos os recursos ficavam para os preparativos do carnaval carioca.

 


Aqui você fica por dentro o que acontece no Brasil e no mundo, celebridades, famoso que morreu ou faleceu na data de hoje, política, quem é o corrupto e ladrão do momento, crise econômica, qual partido que mais rouba, o próximo a ir pra cadeia, dinheiro sujo, charges e curiosidades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *