NovasdoDia » Atualidades » Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia

Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia

Bahia é o primeiro estado a liberar a droga, para muitos, lei é uma regressão, principalmente para vítimas de transito, foi sancionada na sexta-feira, a lei (nº 12.959) que libera a venda de bebidas alcoólicas nos estádios em todo o território da Bahia foi publicada ontem no Diário Oficial.
Desde 2008, quando a CBF incluiu o veto no Regulamento Geral das Competições, a comercialização de bebidas alcoólicas no interior dos estádios do país estava proibida. No entanto, uma alteração feita este ano pela própria entidade trouxe observação para o caso de existirem leis estaduais que regulamentem o consumo.

Assim, a Bahia passa a ser o primeiro estado do Brasil, quatro meses antes do início da Copa do Mundo, a ter de volta a permissão para comercializar essas bebidas.
A lei havia entrado em vigor para os embates de ontem, em Pituaçu, entre Galícia e Serrano, pelo Baianão. E vale também para os jogos de hoje: Vitória x Ceará, em Pituaçu, pela Copa do Nordeste, e Vitória da Conquista x Juazeirense, em Conquista, pelo Estadual.

Pontos reguladores foram excluídos pelo governador Jaques Wagner. No projeto, Bonfim sugeria que a venda começasse 1h30 antes e acabasse meia-hora antes do término dos jogos. No texto final, foi definido apenas que a comercialização terá início duas horas antes das partidas, sem limite para acabar.

A proposta também previa que, nas arquibancadas, fossem liberadas bebidas com teor alcoólico inferior a 20%, como cervejas e destilados conhecidos como ‘ice’. Apenas em áreas VIP e camarotes este limite seria estendido para 43%, compreendendo bebidas mais pesadas, como uísque e vodka. Porém, a lei aprovada por Wagner exclui este adendo, permitindo a venda de bebidas de qualquer teor alcoólico em qualquer local da praça esportiva.

Sobre as mudanças, João Bonfim comentou: “Foi feito um acordo, pois viu-se que não era necessário fazer essas restrições. O governador foi sensato ao sancionar a lei, embora eu tenha percebido alguma resistência do Ministério Público”.

Interesses? – Contrário à liberação, o deputado Capitão Tadeu (PSB) afirmou: “Lamento essa atitude, que vai de encontro a todos os esforços feitos para reduzir as causas da violência nos estádios. Uma delas é o álcool, pois trata-se de uma droga”.

Tadeu promete ir ao Ministério Público para saber se há a possibilidade de reverter a situação. De antemão, faz um questionamento: “Estaria o governo atendendo aos interesses das cervejarias? A polícia que se acabe para coibir a violência”.


Aqui você fica por dentro o que acontece no Brasil e no mundo, celebridades, famoso que morreu ou faleceu na data de hoje, política, quem é o corrupto e ladrão do momento, crise econômica, qual partido que mais rouba, o próximo a ir pra cadeia, dinheiro sujo, charges e curiosidades.

    TOP 10 BEBIDAS ALCOóLICAS MAIS FORTES DO MUNDO [ MAIORES NíVEIS DE ALCOOL! ]

    A todos os cachaceiros de plantão eu apresento as top 10 bebidas alcoólicas mais fortes do mundo. não se esqueça de deixar aquele like, vlw galera. TOP 10 BEBIDAS ALCOóLICAS MAIS FORTES DO MUNDO [ MAIORES NíVEIS DE ALCOOL! ] Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia

    COMO BEBER ABSINTO HAPSBURG 89,9%

    Inscreva-se - https://goo.gl/zsynsc aprenda a preparar e aproveitar da melhor maneira o seu absinto para ter uma experiência inigualável e degustar ... COMO BEBER ABSINTO HAPSBURG 89,9% Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia

    BAFO SELVAGEM - ALLCOOL #150 (FEAT. CID CIDOSO)

    Canal do cid fdp - http://www.youtube.com/cidcidoso conheça meu canal pessoal! - http://bit.ly/mussumaliveyt o mito cid cidoso apareceu no bebida liberada ... BAFO SELVAGEM - ALLCOOL #150 (FEAT. CID CIDOSO) Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia

    Tudo sobre Bebida alcoólica é liberada nos estádios da Bahia, vídeo, áudio, fotos, senha, como desbloquear, preço, agenda, qual melhor ponto, pelada, transmissão ao vivo e promoção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *